"Is There An Elephant In Entrepreneurship? 1

“Is There An Elephant In Entrepreneurship?

O empreendedorismo é o procedimento de conceber, lançar e gerir um novo negócio, que geralmente começa como uma pequena empresa ou startup, oferecendo a venda de um item, método ou serviço. Em frases descomplicado, um empreendimento é cada atividade nova que faz uma pessoa, que poderá ter como finalidade obter ganhos financeiros ou não.

Em vez de trabalhar como empregado, empresário administra um nanico negócio e assume todo o risco e a recompensa de seu negócio. O empreendedor é comumente visto como um líder de negócios e como um muito bom. Os empreendedores tendem a ser bons em perceber oportunidades de negócio e têm uma atuação em benefício de assumir riscos, o que os torna mais propensos a sondar as oportunidades.

Tendo como exemplo, pela década de 2000, o campo do empreendedorismo social foi identificado como aquele no qual os empreendedores combinam atividades de negócio com metas humanitárias ou ambientalistas. Um empreendedor geralmente é responsável pela gestão comercial, gerenciando os fatores de elaboração, os recursos humanos, financeiros e materiais necessários pra elaborar o projeto. Eles atuam como diretores e monitoram a estreia e desenvolvimento da empresa. Empreendedorismo é o modo a partir do qual uma pessoa (ou um computador) identifica uma chance de negócio e adquire as ferramentas pra explorá-la.

  • Dois Relações com o Congresso
  • doze Re: Victor Trujillo
  • Não diga que não, no momento em que lhe oferecem uma bebida
  • dois Quadro institucional
  • 19:37 Draxler ‘convida’ a Özil para Paris

O desenvolvimento de oportunidades de negócios, normalmente, acrescenta ações como construir um plano de negócios, contratar os recursos humanos, a aquisição dos recursos financeiros e equipamentos, fornecer liderança, e ser responsável pelo sucesso ou fracasso do projeto. O economista Joseph Schumpeter (1883-1950), anuncia que o papel do empreendedor na economia é a “destruição criativa”, referindo que a inovação destrói as velhas indústrias e levanta recentes maneiras de fazer as coisas. Hoje em dia, o empreendimento podes ser estudado nas universidades, como divisão das disciplinas de administração de empresas. Foi na primeira vez usada em 1723, hoje em dia a frase empreendedor implica qualidades de liderança, iniciativa e inovação.

O economista Robert Reich observou que a experiência de construir uma equipe, a liderança e as habilidades de gestão são qualidades importantes para um empreendedor. Historicamente, o estudo do empreendedorismo começou no final do século XVII e princípios do XVIII, com Richard Cantillon e Adam Smith, que era fundamental pra economia clássica. Se nos lembrarmos de guildas medievais pela Alemanha, os artesãos exigiam autorização especial para operar como “empresários”. Deveriam provar que eram competentes para gerar, o que limitava o treinamento a artesãos que tivessem um certificado Meister ou Mestre. Em 1935 e em 1953, a prova de concorrência foi introduzida outra vez, a qual exigia que os fabricantes para adquirir o certificado Meister antes de poder começar um negócio.

No século XX, o empreendimento foi estudado por Joseph Schumpeter na década de 1930, tomando as suas ideias de partida dos economistas da escola austríaca, Carl Menger, Ludwig von Mises e Friedrich von Hayek. O termo empreendedorismo foi cunhado na década de 1920, sempre que que a palavra original francesa entrepreneur vem desde 1850. De acordo com Schumpeter, um empreendedor está disposto e é apto de transformar uma ideia numa inovação bem sucedida. O empreendimento emprega o que Schumpeter chamou de “destruição criativa” para substituir parcial ou completamente as ofertas que existem em diferentes mercados e indústrias, desenvolvendo, por tua vez, novos produtos e modelos de negócio.